Search
Close this search box.

Blog Violão Brasil

Como escolher o violão perfeito: um guia prático

Veja dicas de como escolher o violão perfeito
Guia de Conteúdo

Compreender seu nível de habilidade

Uma das coisas mais importantes a considerar quando você está procurando o violão certo é o nível de habilidade.

Se você é um iniciante, você não vai querer ter um violão muito caro, pois você pode acabar se desanimando se não puder conseguir tocar nele.

Violões em Promoção

Por outro lado, não queremos que você comprometa em qualidade, e ter o melhor violão iniciante é eficaz para o seu progresso.

Os violões podem variar em preço e em qualidade, então a escolha correta é fundamental para um desempenho ideal.

Felizmente, existem muitos violões de qualidade para iniciantes que não são muito caras. Se você está começando, precisa entender as diferentes partes do violão, os estilos de música que você deseja tocar e todos os recursos que você precisa para se tornar o melhor músico possível.

É possível escolher entre violão acústico e elétrico, além de instrumentos como violão clássico, que têm um som diferente.

Entender os diferentes tipos de construção do violão também é fundamental. Os violões podem ser fabricadas em diferentes materiais, como madeira maciça, laminada, compensada e sintética.

Diferentes tipos de madeira proporcionam diferentes tons e texturas. Escolher as especificações corretas pode exigir alguma pesquisa a fim de descobrir quais materiais são melhores para o seu estilo de tocar.

Inclusive, entender o seu orçamento é primordial ao escolher o instrumento. Investir no melhor violão de que você pode se dar ao luxo de comprar é aconselhável para iniciantes, porque isso garante um instrumento de qualidade e longa duração. No entanto, existem violões acessíveis para iniciantes que ainda oferecem um excelente som e ótima construção.

Em suma, escolher o instrumento certo para o seu nível de habilidade não é tão difícil. Você deve ter um entendimento básico das partes do violão, dos diferentes materiais usados ​​na construção e de todos os recursos que são necessários para atingir o seu objetivo de aprendizagem.

Se você puder manter seu orçamento em mente, pode escolher um violão que lhe ofereça o melhor custo-benefício. Basta seguir estas etapas para encontrar o perfeito para as suas necessidades.

Compreender o seu estilo musical

Muitos iniciantes no violão tendem a sofrer com dúvidas na hora de escolher um instrumento, pois existem inúmeros modelos diferentes. Como iniciante, é preciso considerar principalmente o estilo musical ao qual você deseja se dedicar.

Cada estilo musical necessita de um conjunto diferente de características sonoras não só do violão, mas também do tipo de cordas e dos acessórios que acompanham o instrumento. Escolher o modelo perfeito para o seu gosto artístico garantirá a diversão, melhorará seu desempenho musical e permitirá que você explore novos sons.

O primeiro passo é entender como cada estilo musical exige ações diferentes de um violão.

Os estilos acústicos modernos costumam ser interpretados por violões com um som equilibrado, mas é necessário que ele seja leve o suficiente para manter um som aberto e responsivo.

Por outro lado, os estilos clássicos exigem um som mais alto, cheio e forte, e costumam ser usados em modelos de tamanho médio a grande. O som folk também é interpretado em um violão de tamanho médio, mas tende a ser mais aberto e tem um som mais profundo.

Existem variações entre cada estilo, e cada uma delas necessita de características específicas em relação ao tamanho e ao formato.

Por exemplo, o punho de um violão clássico costuma ser muito diferente do punho de um violão folk, e estabelece um efeito diferente para o som. Assim, o próximo passo para escolher seu violão é decidir qual estilo musical pretende tocar.

A partir daí, você pode escolher entre as variações de cada estilo e optar por um modelo que irá satisfazer a sua sonoridade e as suas necessidades. Se você estiver em dúvida, não hesite em procurar a orientação de um profissionalexperiente, pois este poderá orientá-lo na escolha de seu violão perfeito.

Escolhendo o material do violão

Ao escolher um violão, é essencial considerar o material utilizado na sua construção, pois isso pode ter um impacto significativo no som, na durabilidade e na aparência do instrumento. Aqui estão alguns dos materiais mais comuns encontrados em violões:

  • Tampo O tampo, também conhecido como tábua harmônica, é a parte superior do violão e desempenha um papel crucial na produção do som. Os materiais mais comuns para o tampo são a madeira maciça e a madeira laminada. Os violões com tampo de madeira maciça geralmente têm um som mais rico, ressonante e sofisticado, mas também são mais caros. Já os violões com tampo de madeira laminada são mais acessíveis e tendem a ser mais duráveis, embora possam ter um som um pouco menos complexo.
  • Corpo O corpo do violão é responsável por amplificar o som gerado pelo tampo. Existem diferentes formatos de corpo, como o dreadnought, o jumbo, o concerto e o folk. Além disso, os materiais usados na construção do corpo também podem variar. A madeira maciça é frequentemente preferida por sua ressonância e qualidade sonora superiores. Algumas das madeiras utilizadas comumente são o mogno, a rosewood e o maple. A madeira laminada também é usada em violões de entrada de gama, oferecendo uma opção mais acessível.
  • Braço O braço do violão é onde os dedos pressionam as cordas para produzir diferentes notas. É relevante que o braço seja feito de um material resistente e durável. O mogno é frequentemente utilizado devido à sua estabilidade e resistência à deformação. Outras opções comuns incluem a nato e o maple.
  • Escala A escala é a superfície plana onde as cordas são pressionadas. Ela deve ser lisa e confortável para facilitar a execução. A madeira de jacarandá e a rosewood são escolhas populares para a escala devido à sua durabilidade e estética atraente.

Outros componentes

Além dos principais componentes mencionados acima, outros materiais podem ser utilizados em partes específicas do violão. Por exemplo, o cavalete, onde as cordas são ancoradas na parte inferior do violão, pode ser feito de diferentes materiais, como o osso ou o plástico.

Os trastes, que são as barras metálicas embutidas no braço para separar as diferentes notas, também podem ser feitos de diferentes materiais, como o níquel ou o aço inoxidável.

Conhecer os materiais utilizados na construção do violão pode ajudá-lo a entender melhor suas características sonoras e durabilidade. Lembre-se que a combinação desses materiais e a habilidade de construção do instrumento também desempenham um papel fundamental na qualidade final do som. Experimentar diferentes violões com diferentes materiais é a melhor maneira de encontrar o instrumento que se adapta ao seu estilo de tocar e às suas preferências sonoras.

Decidindo o tipo de violão

O violão é um instrumento versátil e existem diferentes tipos disponíveis, cada um com suas características únicas. Conhecer os diferentes tipos de violão pode ajudá-lo a escolher o mais adequado para o estilo musical que você deseja tocar.

Aqui estão alguns dos tipos mais comuns de violão:

  • Violão Clássico
    Também conhecido como violão espanhol, o violão clássico é conhecido por seu som suave e rico. Possui um corpo menor em comparação com outros tipos de violão e é geralmente tocado com os dedos. O violão clássico tem cordas de nylon, que produzem um som mais suave e doce. É amplamente utilizado para tocar música clássica e estilos mais suaves, como bossa nova e música flamenca.
  • Violão Folk
    O violão folk, também chamado de violão acústico, é um dos tipos mais populares e versáteis. Possui um corpo maior e é tocado com os dedos ou com o auxílio de uma palheta. As cordas de aço do violão folk oferecem um som brilhante e poderoso. É amplamente utilizado em estilos musicais como folk, rock, blues e country¹.
  • Violão Elétrico
    O violão elétrico é projetado para ser conectado a um amplificador. Ele possui um corpo mais fino em comparação com outros tipos de violão e é equipado com captadores que transformam as vibrações das cordas em sinal elétrico, permitindo que o som seja amplificado. O violão elétrico é comumente usado em estilos musicais que exigem maior projeção sonora, como rock, jazz e blues.
  • Violão de Doze Cordas
    O violão de doze cordas possui duas cordas afinadas em oitavas para cada nota, em vez das seis cordas tradicionais. Isso resulta em um som mais encorpado e rico. O violão de doze cordas é comumente usado em estilos musicais como folk, rock acústico e música country, adicionando uma sonoridade única às músicas.
  • Violão Flamenco
    O violão flamenco é projetado especificamente para o estilo de música flamenca. Ele possui um corpo mais fino e uma estrutura mais leve, o que resulta em um som mais brilhante e percussivo. O violão flamenco é geralmente tocado com uma técnica especializada que envolve batidas na caixa de ressonância para criar ritmos característicos.
  • Violão Jumbo
    O violão jumbo tem um corpo grande e profundo, o que resulta em um som poderoso e cheio de graves. Ele é popular entre músicos que buscam uma projeção sonora maior e um timbre rico. O violão jumbo é usado em uma variedade de estilos musicais, incluindo folk, rock e blues.

Esses são apenas alguns dos tipos de violão disponíveis. Cada um tem suas próprias características sonoras e é adequado para diferentes estilos musicais.

Ao escolher um violão, leve em consideração o estilo de música que você deseja tocar e experimente diferentes tipos para encontrar o que melhor se adapta às suas preferências musicais e conforto ao tocar.

Entendendo as acessórios essenciais

Além do próprio violão, existem alguns acessórios essenciais que podem melhorar sua experiência de tocar e cuidar do instrumento. Esses acessórios desempenham diferentes funções e ajudam a garantir um melhor desempenho e proteção do violão.

Aqui estão alguns dos acessórios essenciais do violão:

Capotraste

O capotraste é uma presilha ajustável que é colocada no braço do violão para alterar a afinação das cordas. Ele permite que você mude a tonalidade das músicas sem precisar reajustar todas as cordas. É especialmente útil para acompanhar músicas em diferentes tonalidades ou facilitar a execução de acordes difíceis.

Cordas de reposição

As cordas do violão podem se desgastar e perder o som com o tempo, por isso é necessário ter um conjunto de cordas de reposição à mão. Existem diferentes tipos de cordas disponíveis, como cordas de nylon e cordas de aço, e cada uma tem suas próprias características sonoras. Escolha cordas que sejam adequadas ao seu estilo de tocar e substitua-as regularmente para manter um som claro e nítido.

Afinador

O afinador é um dispositivo essencial para garantir que seu violão esteja afinado corretamente. Existem afinadores eletrônicos que podem ser presos ao violão ou aplicativos de afinador disponíveis para smartphones. Eles detectam as frequências das cordas e indicam se elas estão afinadas ou precisam ser ajustadas. Um violão bem afinado é fundamental para tocar com precisão e obter um som harmonioso. Veja os melhores afinadores.

Correia

A correia é uma tira ajustável que é usada para prender o violão ao redor do ombro e pescoço enquanto você está tocando em pé. É especialmente útil durante apresentações ao vivo, pois permite que você tenha mais liberdade de movimento e conforto ao tocar o instrumento.

Suporte ou pedestal

Um suporte ou pedestal para violão é usado para apoiar o instrumento quando ele não está sendo tocado. Isso ajuda a proteger o violão de quedas acidentais e evita danos. Ao guardar o violão, colocá-lo em um suporte adequado pode evitar riscos ou empenamentos.

Produtos de limpeza e cuidados

Para manter seu violão em bom estado, é preciso utilizar produtos de limpeza adequados. Pano macio, produtos de limpeza específicos para instrumentos de corda e óleo de limão para escala podem ajudar a remover sujeira, poeira e manter as cordas e a madeira em boas condições.

Esses são alguns dos acessórios essenciais do violão que podem melhorar sua experiência de tocar e proteger seu instrumento. Certifique-se de investir nesses acessórios de qualidade para cuidar adequadamente do seu violão e aproveitar ao máximo sua prática e apresentações musicais.

Testando o violão

Testar um violão antes de comprá-lo é fundamental para garantir que você esteja escolhendo um instrumento de qualidade que atenda às suas necessidades e preferências musicais. Aqui estão algumas dicas sobre como testar um violão:

  1. Tocabilidade: Segure o violão e verifique se ele é confortável de segurar e tocar. Verifique se o tamanho do corpo e do braço do violão se adequa ao seu corpo e se a escala é adequada para o espaçamento entre os dedos.
  2. Afinação: Certifique-se de que o violão esteja afinado corretamente. Use um afinador para verificar se todas as cordas estão na afinação adequada. Um violão bem afinado é essencial para obter um som harmonioso.
  3. Qualidade do som: Toque algumas notas e acordes para avaliar a qualidade do som do violão. Ouça se o som é claro, balanceado e ressonante. Experimente diferentes técnicas de dedilhado e palhetada para ter uma ideia completa do som que o violão produz.
  4. Sustentação: Verifique a sustentação do som das notas. Elas devem durar por um tempo adequado, sem desaparecer rapidamente. Uma boa sustentação indica que o violão possui uma boa ressonância e qualidade sonora.
  5. Projeção: Observe se o som do violão se projeta adequadamente. Ele deve ter volume suficiente para preencher o ambiente sem distorções ou perda de clareza.
  6. Equilíbrio tonal: Teste as diferentes cordas e notas para garantir que não haja discrepâncias significativas no volume ou no timbre entre elas. O violão deve ter um equilíbrio tonal adequado em todas as cordas.
  7. Ação das cordas: Verifique a altura das cordas em relação ao braço do violão. Elas não devem estar muito altas, pois isso pode dificultar a execução. Por outro lado, cordas muito próximas ao braço podem causar trastejamento. Procure uma ação das cordas confortável para facilitar a execução.
  8. Teste em diferentes estilos musicais: Experimente tocar diferentes estilos musicais que você pretende tocar no violão. Isso permitirá que você avalie como o instrumento se adapta a diferentes gêneros musicais e técnicas de execução.

Ao testar um violão, leve em consideração suas preferências pessoais e estilo musical. Não tenha pressa em tomar uma decisão. Experimente vários violões, compare suas características e escolha aquele que melhor se adapta às suas necessidades e proporciona uma experiência de tocar satisfatória.

Manutenção e conservação do instrumento

A manutenção e conservação adequadas do violão são essenciais para garantir a durabilidade, o bom funcionamento e a qualidade sonora do instrumento ao longo do tempo. Aqui estão algumas dicas para cuidar do seu violão:

  1. Limpeza regular: Limpe o violão regularmente com um pano macio e seco para remover poeira, sujeira e marcas de dedos. Evite o uso de produtos químicos agressivos que possam danificar o acabamento do instrumento.
  2. Higienização das cordas: Após cada uso, limpe as cordas com um pano macio para remover o suor e o óleo dos dedos. Isso ajudará a prolongar a vida útil das cordas e manter um som nítido.
  3. Ajustes da umidade: O violão é sensível à umidade. Evite armazená-lo em ambientes úmidos ou extremamente secos. Utilize um umidificador ou desumidificador, se necessário, para manter a umidade relativa estável em torno de 45-55%. Isso ajuda a evitar problemas como o empenamento do braço e rachaduras na madeira.
  4. Proteção contra mudanças bruscas de temperatura: Evite expor o violão a mudanças bruscas de temperatura, como deixá-lo exposto ao sol direto ou próximo a aquecedores. Essas variações de temperatura podem causar danos ao violão.
  5. Armazenamento adequado: Ao guardar o violão, utilize um estojo rígido ou macio que ofereça proteção contra impactos e poeira. Coloque-o em um local seguro, longe de objetos pesados que possam cair sobre ele acidentalmente.
  6. Ajustes e manutenção profissional: Realize ajustes e manutenções periódicas com um luthier ou técnico especializado. Eles podem fazer ajustes na altura das cordas, verificar a integridade estrutural do violão e realizar reparos necessários.
  7. Troca de cordas: Substitua as cordas regularmente, pois elas se desgastam com o tempo. A frequência de troca varia dependendo da frequência de uso e do tipo de cordas. Consulte as recomendações do fabricante ou peça orientação a um profissional.
  8. Cuidados durante o transporte: Ao transportar o violão, certifique-se de protegê-lo adequadamente em um estojo apropriado. Evite colocar objetos pesados em cima do violão e manuseie-o com cuidado para evitar danos.

Lembrando que, se você não tiver experiência em ajustes ou reparos de violão, é sempre recomendável procurar um luthier qualificado para realizar essas tarefas. Com a manutenção e conservação adequadas, seu violão se manterá em ótimo estado e proporcionará uma experiência musical prazerosa por muitos anos.

Conclusão

Escolher o violão perfeito requer consideração cuidadosa de vários fatores, como tipo de violão, tamanho, materiais, qualidade sonora e conforto ao tocar. Cada músico tem suas próprias preferências e necessidades musicais, portanto, não há uma resposta única para qual é o violão perfeito.

Experimentar diferentes violões, buscar orientação de profissionais e encontrar aquele que ressoe com você tanto musicalmente quanto em termos de conforto. O violão perfeito é aquele que inspira você a tocar e expressar sua música com confiança e prazer.

FAQs (Perguntas Frequentes)

Qual é o melhor tipo de violão para iniciantes?

Para iniciantes, geralmente recomenda-se começar com um violão de nylon, como o violão clássico. Eles possuem cordas mais macias e um som suave, sendo mais amigáveis ​​para os dedos iniciantes.

Qual é o melhor tamanho de violão para crianças?

O tamanho do violão deve ser escolhido de acordo com a idade e o tamanho da criança. Violões de tamanho 1/4 ou 1/2 são adequados para crianças pequenas, enquanto tamanhos 3/4 e 4/4 (tamanho completo) são mais indicados para crianças mais velhas e adolescentes.

Quanto devo investir em um violão?

O valor a ser investido em um violão varia de acordo com o seu orçamento e nível de dedicação. É possível encontrar violões de qualidade adequada para iniciantes em uma faixa de preço acessível, entre R$ 300 e R$ 1000. Se você está buscando um instrumento de qualidade profissional, pode ser necessário investir mais. Confira Aqui.

Devo comprar um violão novo ou usado?

Ambas as opções têm suas vantagens. Um violão novo geralmente oferece garantia e a certeza de que está em perfeitas condições. Por outro lado, um violão usado pode ser mais acessível em termos de preço. Ao comprar um violão usado, verifique cuidadosamente seu estado e faça um teste antes de tomar a decisão.

Como saber se um violão é de boa qualidade?

Um violão de boa qualidade geralmente apresenta características como um som equilibrado, projeção adequada, construção sólida, acabamento cuidadoso e materiais duráveis. É recomendado buscar marcas respeitadas e experimentar o instrumento antes da compra para avaliar sua qualidade sonora e construção.

Lembre-se de que a escolha do violão perfeito é uma decisão pessoal. Leve em consideração suas preferências musicais, necessidades individuais e experimente diferentes opções antes de fazer a escolha final. Um violão bem escolhido será um companheiro musical fiel em sua jornada como músico.

Pronto para escolher o violão perfeito para você?

Acesse agora mesmo o link e descubra os melhores violões para iniciantes disponíveis no mercado. Não perca essa oportunidade de encontrar o instrumento ideal para iniciar sua jornada musical.

Clique no link e comece a explorar as opções agora mesmo!

Thiago Silva
Siga-me
melhores Violões para iniciantes de 2024

Você também pode gostar:

Comente:

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Violão Brasil
Violao Brasil

Guias dos melhores

Categorias de Artigos

Veja Também

trocar as cordas do violão

Como colocar cordas de aço no violão

Preparação para substituição de cordas Para preparar seu violão para novas cordas de aço, você pode seguir alguns passos simples com as subseções de adquirir

Thiago silva

Olá! Eu sou Thiago Silva

Seja Bem-Vindo ao Blog Violão Brasil

Sou um apaixonado por violão e guitarra. Amo música e tudo envolvido. Já fiz cursos e toco violão desde os meus 15 anos.